Tuesday, March 1, 2011

Algo tinha de dar errado.

Já tava cansada de trabalhar no mesmo lugar... Depois de 2 anos morando aqui, você quer uma coisa legal e mais 'certa'. Trabalhar de segunda a sexta, por exemplo e ter seus fins de semana livres pra fazer o que quiser.
Aí resolvi procurar outro emprego. Procurei, procurei... mas nada de realmente interessante. Aí um dia qualquer, tava passando por essa determinada rua e vi uma placa: Part time/ Full time Staff Required. Era um café. Tudo que eu queria... Fui lá, entreguei meu currículo, conversei diretamente com o administrador/dono (a melhor coisa a se fazer quando vc vai entregar um currículo por aqui) e ele me disse que estaria abrindo outro café na metade de fevereiro. Fui lá outro dia pra ele ver como eu trabalho e ele me garantiu um full time. Massa. Agora era só dar um aviso prévio lá na outra loja e mandar ver no trampo novo.
Deixei a loja antiga dia 30 de janeiro. Um dia antes do meu aniversário. Tão feliz eu tava... Agora era só "relaxar" (tinha de resolver a renovação do meu visto) por duas semanas e aprender coisas novas, conhecer pessoas novas... enfim!
Nada.
Fui lá na terceira semana de fevereiro e o cara disse que tudo tinha atrasado, que nada tava conforme o previsto e que não tinha previsão de quando abriria o café. Lindo, né? Agora eu estava desempregada e sem muitas esperanças. Tudo down. Um saco ficar em casa fazendo nada, mas também não podia sair. Quem mora aqui sabe que não é facil sair de casa sem gastar.
Até hoje, nada certo. Fui a outro café pra uma entrevista, tudo certinho.. gostaram de mim, se impressionaram com a experiência que eu tenho... mas mandaram eu esperar mais uma semana. =/ Enquanto isso, eu fico irritada, sem graça, sem vontade de fazer muita coisa.
Aí vocês se perguntam: e por que não volta logo pro Brasil?
Acontece que eu não quero isso AGORA. Só quem vive essa experiência sabe do que eu falo. A gente meio que sente quando é e quando não é hora de voltar. Não dá pra explicar.
Sei que a pretensão é ficar aqui até o fim do verão. Seeeeeeeee as coisas apertarem muito, aí eu volto... triste, mas volto.
É, tava tudo muito lindo, divino e maravilhoso pra ser verdade...

0 viagens...: